Sexta-feira, 21 de Outubro de 2016

Dias assim-assim

Há aqueles dias em que estou assim-assim. No outono tenho muitos dias assim-assim. O tempo cinzento, mais fresco e húmido. Os dias mais curtos que é preciso aproveitar melhor. E as memórias, o passado, as angústias que reaparecem. E hoje que até é sexta-feira estou assim-assim. Vale-me o chá quente e um chocolate para animar assim-assim... 

Sinto-me:: I'm boring
publicado por mg_criacoes às 14:07
link do post | comentar | favorito
Domingo, 1 de Maio de 2016

Frango estufado à primavera

Sou pessoa de desejos e apetites. Apetecia-me frango estufado com massa. Coisa básica, massa e carne, mas era o que me apetecia. Cá em casa arranjo sempre adepto para estes pratos, até porque foge à rotina das ementas dos restaurantes. Calhou ainda melhor, porque em casa das nossas mães sempre comemos este tipo de prato. E hoje é dia da mãe, este prato lembra as mães cá de casa. 

 

Ingredientes:

Massa penne integral

1 chávena de ervilhas tortas

1/2 frango do campo

1/4 pimento vermelho, amarelo e laranja 

1 cebola  pequena

1 tomate maduro

1/2 copo de vinho branco

2 c. de sopa de chouriço de carne picado

ervas aromáticas (salsa e tomilho)

Alho em pó q.b

Pimenta q.b

Sal q.b

Azeite q.b

 

Preparação:

Retirar os pedaços de gordura do frango (já vinha sem pele do talho). Temperar com sal, pimenta e alho em pó. Reservar durante 30 minutos.

Aquecer um tacho em lume forte, quando estiver quente colocar um fio de azeite, deixar aquecer e juntar cebola, salsa, pimentos, tomate e chouriço tudo picado. Quando estiver a estrugir, juntar os pedaços de frango por cima, deixar alourar e ir virando os pedaços. Regar com vinho branco. Juntar água quente. Temperar com sal. Juntar as hastes do tomilho e tapar.

Num tacho à parte colocar água quente, quando ferver adicionar a massa. Quando estiver quase cosida, escorrer a água, regar a massa com um fio de azeite e reservar (nunca cozo a massa com sal e azeite, adiciono depois, neste caso só coloquei um fio de azeite para a massa não agarrar, não coloquei sal já que o molho do frango estava bem saboroso).

Quando o frango estiver quase no ponto, juntar as ervilhas. Rectificar temperos. Quando as ervilhas estiverem cozidas, juntar a massa já cozinhada. Envolver bem para juntar os sabores. Quando estiver no ponto de sabor, servir e acompanhar com uma salada fresca de alface roxa com cenoura ralada. Não se pode resistir ao molho, um pedaço de pão faz as delícias do palato! image

Sinto-me:: nhamnham...
publicado por mg_criacoes às 19:01
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 21 de Março de 2016

Bica de azeite à moda da Beira-Baixa

A Tia Juja era uma mulher doce, meiga, com olhar triste pelas adversidades da vida, mas com um sorriso bonito e sempre uma palavra de aconchego. Quinze anos passaram muito rápido e faz-nos tanta falta! Lembrei-me da tia e de um bolo típico que por estes dias se oferece aos afilhados, encontrei a receita aqui, deu para matar saudades...

 

Ingredientes:

250gr de água 

10gr de açúcar 

40gr de azeite

470gr de farinha tipo 65

1 saqueta de fermento (vahiné)

1 c. de chá de sal

 

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 170º. Preparar o tabuleiro com papel vegetal. Reservar.

Colocar no copo a água, o azeite, o açúcar e o fermento. Programar 2min/temp37º/vel2.

Adicionar a farinha e o sal. Programar 2min/vel espiga.

Retirar e deixar levedar até dobrar de volume. Coloquei dentro do forno apagado.

Retirar para a bancada enfarinhada. Com as mãos untadas em azeite dividir a massa em dois pedaços. Esticar a massa com as mãos até dar uma forma comprida/oval e espalmada. Picar com os dentes de um garfo. Levar ao forno até ficar douradinha. 

image

Sinto-me:: saudosa
publicado por mg_criacoes às 13:33
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 21 de Julho de 2014

Empadas de frango

Lá em casa sempre havia na arca salgados que a minha mãe fazia em doses industriais para consumo doméstico, umas vezes oferecia e também chegou a vender. Depois era só retirar e ir para o forno ou frigideira. Croquetes, rissóis, pastéis de massa tenra, pastéis de bacalhau, empadas...eu ajudava a panar os rissóis e croquetes; nas empadas untava as formas e fazia as tampinhas! São coisas práticas de se ter no congelador para um lanche ou uma refeição. Há anos que não ajudo a fazer nada disto. A Tia L. faz empadas como ninguém, cozidas em forno de lenha são uma delícia. A minha mãe já faz menos e eu já não estou lá para a ajudar. Às vezes a minha mãe ainda faz, mas em menos quantidades. Lembrei-me de fazer empadas. Pedi à minha mãe as forminhas e coloquei as mãos na massa. A receita que fiz serve 9 empadas.

 

Ingredientes para a massa:

250gr de farinha de trigo tipo 65

120ml de água morna

25gr de azeite

1ovo

sal q.b

 

Ingredientes para o recheio:

1peito de frango assado

1 cebola pequena

3 pés de salsa

1 c. de sopa de bacon picado

polpa de tomate q.b

sal q.b

azeite q.b

vinho branco q.b

 

Como eu fiz:

1.º Na MFP colocar o ovo batido com o azeite e o sal; depois adicionar a farinha; colocar a máquina no programa de amassar; adicionar aos poucos a água morna para facilitar a junção dos ingredientes; o programa dura1h30. Depois desse tempo retirar a massa para a bancada e reservar.

2.º Saltear a cebola com o bacon, o azeite e a salsa; refrescar com vinho branco; adicionar o frango desfiado em pequenos pedaços, juntar a polpa de tomate; envolver bem e deixar estufar durante alguns minutos; retirar do lume e reservar.

3.º Com a ajuda de um rolo estender a massa; com uma taça fazer o recorte da massa para preencher a forma, com uma forma de empada fazer o recorte da massa para a tampa. Colocar a massa dentro da forma, colocar uma colher de sopa de recheio, por cima colocar a massa para fechar. Com a ajuda dos dedos dar a forma que entendermos.

4.º Bater uma gema de ovo com umas gotas de leite, pincelar as empadas e levar ao forno pré-aquecido a 170º/40minutos.

DSCN8012

Sinto-me:: aprender
publicado por mg_criacoes às 22:11
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 30 de Junho de 2014

Fruta e legumes da época

Quero fazer mais compotas! Só vejo fruta linda e cheirosa, tenho frascos à espera por isso é só escolher! Todo este processo me faz lembrar a minha infância, quando via a minha mãe a confeccionar as compotas, desde a preparação da fruta até ao resultado final. No inverno sabia tão bem, uma bolachinha de água e sal com um pedaço de doce, ou um papo seco para o lanche barrado com doce! Um dia destes dei por mim a pensar que nunca vi a minha mãe a esterilizar os frascos, alguns frascos, inclusive, têm tampa de plástico, como são os frascos do café, que se aproveitam para o efeito. Tenho lá em casa uma geleia de marmelo feita pela minha mãe que já tem anos, precisamente num frascos destes. Mas para não correr riscos tenho esterilizado tudo como deve ser. Agora estou fã dos iogurtes naturais com uma colherada de compota e outra colherada de sementes de linhaça! Até o sócio que não é fã deste tipo de doces, um dia destes talvez pelo seu estado de saúde andou a comer umas torradinhas cobertas com doce e adorou! Numa procura por saber a fruta época mais adequada para a confecção das compotas, encontrei esta páginada Deco que pode ser útil, para adquirimos apenas a fruta e legumes da estação. Assim não há que enganar!

Sinto-me:: uma doçeira
publicado por mg_criacoes às 10:00
link do post | comentar | favorito

Marisa Rebiteza

Fevereiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
28

Posts recentes

Dias assim-assim

Frango estufado à primave...

Bica de azeite à moda da ...

Empadas de frango

Fruta e legumes da época

Experiências docinhas

Trigo amarelo - a minha ...

A necessidade aguça o eng...

Arquivos

Tags

actividade profissional

actividades domésticas

amizade

bijuteria

bimby

experiências

faculdade

família

férias

lazer

livros

memórias

natal

receitas

relações interpessoais

relações profissionais

saúde e bem-estar

sentimentos

tempo

viver

todas as tags

Links